Header Ads

Últimas

Para empreender em 2020: franquias de alimentação com investimento até R$100 mil



Por: Redação

Ano novinho chegando. As metas estão sendo estabelecidas. Para muitos, chegou o momento de empreender. Quem busca a segurança do franchising pode ficar tranquilo, pois os números seguem em alta.

Quem pensa em investir no setor de alimentação pode comemorar, pois segundo dados da ABF (Associação Brasileira de Franchising) sobre o terceiro trimestre de 2019, o segmento continua sendo o que mais fatura (12 bilhões), com um crescimento de 5,3% com relação ao ano passado.
Pensando nisso separamos algumas opções, com investimento até R$100 mil, para facilitar a busca dos futuros franqueados.


Ceofood – R$5.990,00
Lançado em março de 2018, é um aplicativo de delivery gastronômico que opera por meio de franquia. Ele tem como foco de expansão regiões periféricas e cidades do interior. O franqueado passa a ser responsável por prospectar novos restaurantes e estabelecimentos que pagam um valor fixo por mês para expor produtos no aplicativo. Diferentemente de marcas concorrentes, não cobra percentual sobre cada venda feita por meio do aplicativo. O lucro do franqueado é obtido dos valores mensalmente pagos pelos restaurantes. Com o modelo ‘home based’, a franquia é ideal para aqueles que buscam uma maior versatilidade de horários para o trabalho. Faturamento médio: R$5.500,00 com taxa de lucratividade de R$3.700,00.
https://www.ceofood.com.br/


Snack Saudável – R$47.900,00
Criada em 2016 na cidade de Ji-Paraná, Rondônia, a empresa especializada em kits/lanches escolares e empresariais oferece porções nutritivas e saborosas para promover alimentação saudável. Com menos de um ano de atividades, a marca iniciou o processo de formatação do negócio para o franchising, dando início ao plano de expansão da rede em outras regiões do país, hoje a franquia conta com mais de 60 unidades. Faturamento médio: R$27.000,00, com taxa de lucratividade de 20 a 30%.
https://snacksaudavel.com/


Boali – R$60 mil
Rede de alimentação saudável – tem um modelo de franquia com baixo investimento para atender somente a demanda dos aplicativos de delivery. A franqueadora monta a cozinha - dark kitchens - fornecendo todos os utensílios, estoque inicial, uniformes, equipamentos, embalagens, sistema operacional e, se necessário, uma pequena reforma. O modelo é ideal para cidades pequenas, atendendo um raio significativo da população local. Faturamento médio: R$60 mil, com taxa de lucratividade de 10%.
https://www.boali.com.br/


N1 Chicken – R$74 a 94 mil
Maior rede brasileira de frango frito que trabalha exclusivamente com delivery e se apoia em três pilares para conquistar um número cada vez maior de clientes: criatividade, colaboração e simplicidade. O carro chefe da marca é a produção de frango frito preparado a partir de alimentos e condimentos de alta qualidade: temperos exclusivos, 100% naturais e de origem brasileira. Faturamento médio: R$60 mil, com taxa de lucratividade de 20%.
https://www.n1chicken.com.br/


Crazy Cereal – R$79 mil
A Crazy Cereal é a primeira e única rede de franquias que transforma comida em diversão. A ideia é sempre entregar novidades para um público que está entediado de "mais do mesmo". A rede de franquia oferece uma experiência única para seus clientes, desde a criação do Leite Divertido até os saborosíssimos cremes especiais como creme de paçoca, de avelã, de tapioca com coco, açaí tradicional e zero, iogurte natural e leite condensado tudo isso em consistência frozen. Recentemente, a marca lançou o pão de queijo colorido. Faturamento médio: R$25 mil, com taxa de lucratividade de R$9mil.
http://crazycereal.com.br/



La Torta By Haguanaboka – R$90 mil
Parte do Grupo Haguanaboka Franchising, a rede deseja atingir um público com menor poder aquisitivo, que também sonha em comandar seu próprio negócio. Com modelos de quiosque de 11m² e Loja Express, com 40m², a La Torta trabalha com a mesma gama de produtos da Torteria Haguanaboka, outra rede do grupo: bolos e pavês, bolos salgados, doces e cafés, quiches, tortas caseiras doces e salgadas, além de opções de produtos veganos, sem lactose, vegetarianos, diet e sem glúten. Faturamento médio: R$60 mil, com taxa de lucratividade de 10 a 15%.
http://www.latortabyhaguanaboka.com.br/