Header Ads

Últimas

Pizzaria com conceito diferente em praças de alimentação leva jovem empreendedor a faturar milhões



O empreendedor enxergou a oportunidade de fazer com que o consumidor realmente tivesse seu desejo realizado
*Por: Redação
O principal diferencial do Pizza Makers é o conceito “faça você mesmo”, ou seja, o cliente monta a própria pizza, calzone e salada. No cardápio, há mais de 30 ingredientes, além das opções de massas tradicional e integral, que são preparadas sem leite e ovos, portanto, veganas. “Antes de abrirmos nossa primeira loja, vimos que não havia inovação dentro das praças de alimentação dos shoppings centers. Sabe-se que há uma enorme variedade de redes de comida e fast food, mas quando se pensava em pizzarias, era uma área sem grandes novidades e enxergamos a nossa oportunidade de fazer com que o consumidor realmente tivesse seu desejo realizado. Assim, apostamos numa rede diferenciada, que oferece ao cliente a possibilidade de montar sua própria refeição", explica Machado.
Como nasceu o Pizza Makers
Durante sete anos, Gregório morou nos Estados Unidos enquanto estudava. Quando retornou ao Brasil, trabalhou em grandes empresas do segmento de alimentação, como Habib’s e Nestlé. No entanto, o desejo de empreender era muito forte, e ele deixou o mundo corporativo para tornar seu sonho uma realidade. Pensou em abrir um restaurante mexicano, mas a ideia nunca se concretizou. Foi aí que seu pai, Milton Machado, lhe disse que existia um forno que fazia pizzas em 90 segundos. Então, os olhos do jovem brilharam, pois, logo pensou em investir num setor tradicional, mas de forma inovadora: fazer pizzas customizadas que ficam prontas rapidamente.
Com o empreendimento na cabeça, Gregório pensou em vender as pizzas customizadas em um quiosque ou food truck. Mas essa ideia logo foi descartada, pois percebeu que não havia inovação dentro das praças de alimentação dos shoppings centers. Há uma enorme variedade de redes de comida e fast food, mas quando se pensava em pizzarias, era uma área sem grandes novidades e ele enxergou a oportunidade de fazer com que o consumidor realmente tivesse seu desejo realizado. A partir daí, veio a decisão de abrir uma loja na praça de alimentação do shopping Morumbi, em São Paulo. Assim nasceu o Pizza Makers.
Gregório apostou numa rede diferenciada, oferecendo ao cliente a possibilidade de montar sua própria pizza, calzone e salada com alguns dos mais de 30 ingredientes presentes no cardápio, que resultam em diversas combinações. As massas são veganas, e também há a pizza vegana. E o melhor ainda é o tempo: a pizza assa em até 2 minutos. Desta maneira, revolucionou o jeito de comer pizza em rede fast food dentro das praças de alimentação dos shoppings centers.
O jovem empreendedor também queria que o Pizza Makers tivesse sua própria massa. Para isso, buscou um profissional reconhecido no setor de panificação, o chef-padeiro Rogério Shimura, que fez a primeira receita da empresa, que, após algumas adaptações, logo passou a ser vendida. Com o tempo, Gregório estudou para aprender a manipular e preparar os produtos e assumiu a cozinha da rede.
Mesmo com poucos anos de vida, o empreendimento está crescendo vertiginosamente e o faturamento já está na casa dos dois dígitos. Além disso, com seu olhar inovador e criativo, tanto para o mercado quanto para os consumidores, Gregório Machado ainda vai trazer muitas novidades diferenciadas.
Com a primeira loja aberta em dezembro de 2016, a Pizza Makers faturou em torno de R$ 10 milhões em 2018 e projeta faturamento em torno de R$ 24 milhões em 2019. Um crescimento de 140% em relação ao ano passado. A rede está ampliando sua presença em São Paulo e Rio de Janeiro, projetando alcançar a marca de 20 unidades em operação até dezembro. No próximo ano, a rede abrirá sua primeira unidade no Nordeste e prevê chegar em outras regiões do Brasil. A meta é finalizar 2020 com 30 lojas em operação e faturamento de R$ 36 milhões.O investimento na implantação de uma unidade franqueada é a partir de R$ 350 mil.

Raio-X da franquia
Fundação: Dezembro de 2016
Início no franchising: Julho de 2018
Número de unidades próprias: Duas (shoppings JK e Market Place, ambos em São Paulo)
Número de unidades franqueadas: 12
Investimento Inicial: a partir de R$ 350.000,00
Taxa de franquia: R$ 39.500,00
Capital de giro: R$ 20.000,00
Royalties: 5%
Taxa de publicidade: 2%
Faturamento bruto da unidade: R$ 100.000,00
Lucro líquido da unidade: 15% do faturamento bruto da loja
Prazo de retorno do investimento: 36 meses
 Contatos para interessados em franquia (email, site e telefone):