Header Ads

Últimas

Com modelo de negócio home based, franquia de caricaturas em canecas permite faturamento de até R$20

Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), mais de 550 redes brasileiras operam com modelos de franquias home based

Por: Redação

Segundo o Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 4,5 milhões de brasileiros complementam sua renda sem sair de casa. Trabalhar home office é cada vez mais comum, inclusive no mercado de franquias. Muitas marcas tem apostado no modelo home based para atrair investidores que possuem capital de investimento mais baixo e sonham com o próprio negócio. De acordo com a ABF, 557 marcas, de diferentes segmentos, já oferecem esse modelo de negócio a seus franqueados, sendo que algumas delas operam exclusivamente com o modelo.

Na Caricanecas, por exemplo, maior empresa especializada em caricaturas digitais do mundo, todo franqueado atua de casa. "Como é um negócio que não necessita de grandes estruturas, o home based foi a forma que encontramos de atrair mais investidores. Oferecemos a oportunidade de empreender com um custo baixo, sem preocupações de gastos com instalações e funcionários e um retorno bastante atrativo", explica fundador da marca, Wdson Sandenys. "Além disso, o negócio pode ser um complemento de renda. É o caso de muitos franqueados da rede, que possuem mais de um negócio ou emprego", complementa.

Foi com essa visão que o franqueado Gabriel Valle, 25 anos, decidiu apostar na Caricanecas ao imergir no empreendedorismo. Formado em pedagogia, Gabriel, que atua como professor, buscava uma alternativa para complementar a renda. "Eu queria algo que que oferecesse flexibilidade, comodidade e deslocamento fácil e rápido. Quando descobri a Caricanecas, vi que eu poderia ter tudo isso e ainda ter o meu próprio negócio", conta. O empresário relata que o maior problema deste tipo de negócio é ter disciplina para manter uma rotina de "escritório". "É preciso ser muito disciplinado para conseguir fazer todas as tarefas do dia sem dispersar. Ter um cômodo reservado apenas para o negócio ajuda bastante nesta questão. Outra dica é manter uma rotina de horários, aproveitando com moderação a liberdade que o modelo te dá para o caso de precisar fazer outras coisas ao longo do dia".

Outro beneficio que Gabriel aponta neste modelo de negócio é o baixo investimento em comparação ao lucro mensal. "Você investe um valor relativamente baixo, não tem custos fixos como aluguel, salários de funcionários e outros gastos comuns de pontos comerciais; e no final do mês consegue garantir uma boa renda", explica. Segundo o empresário é possível garantir uma renda de R$ 4 mil a R$ 6 mil com a venda de canecas e brindes personalizados.

Desenho feito em casa

Não é somente os franqueados da Caricanecas que trabalham de casa. A empresa conta com 37 desenhistas em seu quadro de funcionários e todos trabalham home-office. "O mercado cartunista ainda é bastante tímido, não há muitos profissionais que seguem carreira. A escolha de ter esses funcionários trabalhando de casa, além de acreditar que esse é o modelo de emprego do futuro, também foi uma maneira que encontrei de ter na Caricanecas talentos de todas as regiões do país", explica Wdson, mais conhecido como Dinho.

Para Nan Freire, 32 anos, desenhista da Caricanecas, trabalhar home office o ajuda a entregar um trabalho com muito mais qualidade. "O ambiente familiar me ajuda a ter mais inspiração, privacidade e liberdade pra fazer meus desenhos da melhor forma possível", explica. O profissional também revela que consegue manter uma boa rotina de trabalho mesmo dentro de casa. "Tenho uma jornada de trabalho de segunda à sexta-feira, das 9h às 18h. Claro, isso pode variar de acordo com a demanda de encomendas, que aumenta bastante em datas comemorativas. Além disso, procuro sempre acordar mais cedo e reservar um tempo para mim, seja para dar uma volta com meu cachorro ou fazer um exercício físico, isso auxilia a dar um gás para seguir a jornada de trabalho com mais foco e energia", conta o desenhista.

Modelo de negócio Caricanecas

A empresa, que tem como objetivo transformar a realidade dos desenhistas do Brasil, oferecendo mais profissionalismo, reconhecimento, qualidade de vida e boa remuneração, já possui mais de 500 unidades em todo o país. Com investimento inicial de R$ 7,5 mil, os franqueados começam a atuar de casa, prospectando seus clientes. Ao realizarem a venda, enviam as fotos para a franqueadora e os desenhistas fazem as caricaturas. Em média, são desenhadas 500 caricaturas por dia.