Header Ads

Últimas

Distrito Federal dá resposta no comércio varejista e fecha em alta acompanhando o crescimento no país


Black Friday, férias e festas de fim de ano devem alavancar as vendas no segmento de Beleza, Estética, Saúde e Bem-Estar
Por: Redação 

Motivos não faltam para o setor de Beleza, Estética, Saúde e Bem-Estar, e agora também de Higienização, manter o otimismo nesta reta final do ano. Outubro marcou o sexto mês de alta no comércio varejista com alta de 0,1%, o pior resultado desde maio superando setembro, cujo crescimento foi de 0.6%. Na comparação entre setembro deste ano com o ano passado, a diferença de crescimento ficou para 6.6% em 2019 quando a alta foi de 7,2%, e este ano, 0.6%. Referente a outubro, alta em 2020 de 4,2% ante o mesmo período de 2019. Explicações não faltam. A pandemia é a responsável por esta queda, que parece, reagir, agora para a reta final de 2020. 

 Após o decreto 40.939/2020,do Governador Ibaneis Rocha, aumentando o tempo do comércio para ampliar as vendas neste final de ano, as expectativas aumentam para o comércio varejista de Brasília e principais cidades do Distrito Federal. A ampliação do horário de funcionamento agradou o presidente da Federação do Comércio, Bens, Serviços, Turismo (Fecomércio-DF), Francisco Maia. Segundo ele, a medida é acertada justamente para tentar um controle mais eficiente sobre as aglomerações. Brasília é a primeira cidade do país quando o assunto é renda per capta. 

Prestes a formar-se em Biomedicina, a empreendedora da Não+Pelo, Edina Soares, celebrou no último fim de semana prolongado as datas do Dia Internacional do Empreendedorismo Feminino e o Dia da Biomédica, 19 e 20 deste mês, respectivamente. Desde a abertura da sua unidade, em julho, os resultados estão sendo positivos. 

"Após uma quarentena de março a junho, você ter o mês de julho como o maior faturamento na compraração com os meses seguintes até o final de novembro, é surpreendente. Em agosto, tive um faturamento em torno de R$12 mil a menos que julho, porém, em setembro, aumentei rm R$13 mil em relação ao mês nove. O segmento de Beleza, Estética, Saúde e Bem-Estar aqueceu após a flexibilização da retomada econômica, e acredito que este efeito, não esteja sendo positivo somente em Brasília, mas em todo o Brasil. A expectativa é que os números do faturamento melhorem em dezembro", diz Edina Soares, reiterando que sua unidade vive uma gestão sustentável há seis anos quando investiu na franquia. 

Em 2021, Edina pretende abrir uma nova clínica voltada para procedimentos invasivos como aplicação de botóx, preenchimentos e outros serviços em alta junto ao público feminino.